Assinatura RSS

Arquivo da categoria: Colaboradores

30 dias de roupa nova: moda, comércio e estilo no Maior São João do Mundo

Publicado em

Apresentação: Esta reportagem foi feita à várias mãos e produzida originalmente para o projeto Repórter Junino, do curso de Comunicação Social (habilitação Jornalismo), da Universidade Estadual da Paraíba, onde sou professora. O projeto é desenvolvido todos os anos no período junino para celebrar jornalisticamente esta que é a maior festa popular do Nordeste, comandado pelo professor Fernando Firmino. Resolvemos publicar o material na integra por aqui também para divulgar ainda mais esse trabalho, do qual temos muito orgulho. Um exercício que mostra, dentre outras coisas, que é possível produzir conteúdo jornalístico de moda com qualidade. Parabéns à equipe, que está creditada no final do post. Boa leitura!

Foto: Emanuel Messias

Foto: Emanuel Messias

Quem anda pelos caminhos do Parque do Povo nesses dias de festa não pode deixar de reparar no visual caprichado de homens, mulheres e até mesmo crianças. E não é só nos grandes centros que isso se percebe, em comemorações de bairro e em cidades pequenas, festa de rua significa roupa nova. Para a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), os festejos juninos representam um aumento nas vendas de cerca de 30% em relação ao mesmo período do ano passado.

O São João de Campina Grande trouxe consigo uma grande expectativa de vendas na linha de roupas e acessórios. “É nesta época em que a população de Campina Grande costuma procurar com maior intensidade as lojas de roupas, calçados, alimentação e também serviços como salões de beleza e postos de combustíveis”, diz Hilton Motta Filho, presidente da CDL. A vendedora Vanessa afirma que esse aumento se compara às vendas do período Natalino, sendo os dois melhores períodos de comércio. Para os clientes, a vaidade é o fator que mais contribui para esse aumento. “A aparência é importante, onde chegamos as pessoas nos definem e julgam de acordo como estamos vestidos, é bom estar bem vestido para transparecer uma boa imagem”, diz a estudante Karolyne Cartaxo.

É feito um alto investimento nesse comércio nessa época. Uns compram por necessidade, mas, a grande maioria está alimentando sua vaidade, inclusive os homens. Atualmente não só as mulheres estão gastando em vestuário. O comprador Igor Silveira, 22 anos, acha que os homens se importam sim com as vestimentas, mesmo muitos não admitindo esse interesse. São as festas juninas promovendo a moda e o comércio da região.

P&B e Top Cropped são os grandes hits do São João

Como acontece nos grandes desfiles de moda, as ruas do Parque do Povo ficam cheias de tendências durante o período junino. Este ano não está sendo diferente, e algumas modas queridinhas das mulheres fazem a cabeça e os pés das frequentadoras da festa. Desta vez, o binômio preto e branco aparece por todos os lados, acompanhado dos top croppeds e de sapatos de salto flutuante. A dupla formada pelo preto e pelo branco vem de forma moderna e é vista em todos os lugares, “seja com listras ou em quadriculados, em outras estampas, ou então em um look como um todo” como aponta a consultora de moda Ceicinha Figueiredo.

Mas não se deve deixar levar por essa tendência sem antes analisar se ela serve para você. Mesmo sendo uma moda clássica e democrática, existem as suas exceções. Calças listradas, por exemplo, para meninas de quadril largo, por mais que sejam listras verticais, que têm tendência a emagrecer, acabam destacando os volumes, ou seja, deve haver moderação no uso desse duo, como explica a consultora.

Looks em P&B montados por Ceicinha Figueiredo na loja Hering

Looks em P&B montados por Ceicinha Figueiredo na loja Hering

O preto e branco foi eternizado pela estilista Coco Chanel – que foi a responsável pela grande revolução no vestuário feminino em meados da década de 1920 – principalmente por meio das estampas conhecidas por pied-de-poule e pied-de-coq, que ficaram famosas no mundo todo. Pied-de-poule, que é a estampa menor, traduzido do francês seria pé de galinha, e ganhou esse nome por realmente parecer uma pegada de galinha, enquanto o pied-de-coq, a estampa maior, é pé de galo, por parecer uma pegada de galo. Ou então nas listras, que tanto gostava.

Pied-de-poule, a estampa menor

Pied-de-poule, a estampa menor

Pied-de-coq, estampa maior

Pied-de-coq, estampa maior

Coco Chanel usando listras

Coco Chanel usando listras

E no Parque do Povo, algumas mulheres usando as listras.

Fatima Feitosa, Mari Oliveira, Andreza Lima e Simone de Almeida usam a tendência

Fatima Feitosa, Mari Oliveira, Andreza Lima e Simone de Almeida usam a tendência

Luana Larissa, Ana Luiza e mãe e filha, Patrícia e Evillyn

Luana Larissa, Ana Luiza e mãe e filha, Patrícia e Evillyn

Outra tendência que está ocupando a cabeça das mulheres no Parque do Povo é o Top Cropped. Popularizado nos anos 90, volta agora com uma diferença: não se mostra o umbigo. A peça atual consiste em um top ou blusa curta, usado com calça, saia ou shorts de cintura alta, cobrindo o umbigo, para não parecer vulgar. É uma grande aposta do verão 2013 por causa do nosso clima, e deve ser usado em lugares informais. Vai bem também com saltos, que deixam a produção mais elegante.

 

As estudantes Larissa Gomes e Thayla Brenda Silva usaram Top Cropped no Parque do Povo

As estudantes Larissa Gomes e Thayla Brenda Silva usaram Top Cropped no Parque do Povo

Gabriele Rocha decidiu usar Top Cropped e listras P&B em um único look

Gabriele Rocha decidiu usar Top Cropped e listras P&B em um único look

Salto fantasma, será que essa moda pega?

Você já pensou em usar um sapato de salto alto, mas sem o salto? Sim, isso existe, e se chama salto phantom ou salto fantasma. Queridinho de várias fashionistas ao redor do mundo, o salto fantasma consiste em um sapato sem salto, mas com uma meia-pata avantajada e surgiu em 2001, quando Antônio Berardi criou sapatos sem salto aparente. Mas a sua popularização só aconteceu realmente dez anos depois, em 2011, quando a excêntrica cantora Lady GaGa usou sapatos criados pelo designer japonês Noritaka Tatehana, que chegavam a 25 centímetros de altura. Apesar de parecer o contrário, quem usou afirma ser super confortável.

Lady GaGa com alguns dos seus saltos fantasmas

Lady GaGa com alguns dos seus saltos fantasmas

Salto phantom de Giuseppe Zanotti

Salto phantom de Giuseppe Zanotti

Natália com seu look de oncinha e sapato de salto fantasma

Natália com seu look de oncinha e sapato de salto fantasma

Por aqui, nas noites de São João do Parque do Povo, já têm mulheres usando a tendência. Entre elas, a empresária Natália Jordania, que também estava usando a atemporal estampa de oncinha, no vestido e na bolsa. Mas, e aí, será que veremos – ou não – mais vezes o fantasma nos pés campinenses? Ou essa é uma moda passageira? Quem viver, verá!

Espaço para o tradicional

 

Em meio a tantas tendências, ainda há espaço para o uso dos tradicionais looks que incluem a famosa estampa xadrez e a bota. Em vários estilos e variações, homens e mulheres não deixam de usar esses símbolos das festas juninas. A estudante Anne Vasconcelos e o namorado Carlos de Souza Aragão foram juntos para a festa junina trajando blusa xadrez, calça jeans e bota: ela num estilo mais romântico de salto e ele num estilo mais vaqueiro. “A gente se sente confortável com esse tipo de roupa, é a época do ano em que a gente mais pode usar. Essas peças ficam guardada o ano todo esperando o São João chegar”, afirma Anne.

Mas não é preciso ir fantasiado de festejos juninos para usar essas peças. O xadrez, em especial, já virou um clássico da moda e vai bem com praticamente tudo. Veja algumas dicas de produções para essa estampa e aproveite as peças que você tem em casa para curtir o restante das festas de São João.

Foto_Matéria2_xadrez_Looks para noite

Foto_Matéria2_xadrez_Looks de dia

 

Reportagem: Ivan Andrey, Bruna Neves, Káio Lenno Araújo e Agda Aquino

Edição: Agda Aquino

Fotos: Ivan Andrey, Káio Lenno Araújo e Jéssica Oliveira

Produção de moda: Ivan Andrey e Rosemere Marinho

Anúncios

Comunicurtas vai além das telas e desfila moda sustentável

Publicado em

Por: Cleryston Araújo, Leandro Targino, Janilton Rocha e Marcondes Evaristo.

No teatro do Sesc Centro a quinta-feira, (30/08), do Comunicurtas foi passarela para um desfile de moda. A enorme plateia que esteve presente no 4º dia do evento pode apreciar modelos trajando peças feitas a partir de sacos de cimento. A produção de vestidos, bolsas, sapatos e outros acessórios é criação do artista e designer Berlamino Neto.

A iniciativa do artista, que usou parte dos milhares de sacos de cimento utilizados na construção da Central de Aulas da UEPB, é uma tentativa de emplacar na sociedade o reaproveitamento do papel usado na construção civil e evitar que ele seja jogado diretamente na natureza. Para o biólogo e especialista em reciclagem de celulose, João Eudes, além de um grande evento audiovisual o Comunicurtas pode promover ações para conscientização da sociedade.

Julio Cezar Perez, Hipólito Lucena e Larissa Guimarães

Segundo a professora Agda Aquino, a arte de transformar sacos de cimento em peças de roupa, bolsas e calçados era uma ação que já havia sido praticada fora do país, mas não para o consumo da sociedade, apenas para exposição em salões e em manifestações contra a poluição. Agda ressalta ainda que, não se pode mais pensar a sustentabilidade como algo alternativo, e sim como parte das nossas vidas cotidianas. “Isso sem falar que as peças ficaram muito bonitas, com acabamento invejável, mais uma prova de que dá para ser eco-fashion, ou seja, ter estilo e beleza sem agredir ao meio ambiente. Isso sim é estar na moda!”

Para Agda, que também é designer de moda, o Comunicurtas se mostra cada vez mais como um evento que não apenas fomenta o cinema e a cultura audiovisual no Estado, mas também apoia outras iniciativas artísticas como a fotografia e agora a moda consciente. Com ações como essa é possível transformar o mundo num lugar mais belo sem a necessidade de destruí-lo para isso. 

PS: Esse texto foi produzido pelos meus alunos de Jornalismo da UEPB para a disciplina Agência de Notícias, do 6º período. Para saber mais sobre o festival Comunicurtas acesse este link.

Deveria ser tudo tão simples… Danuza Leão é a dica de leitura

Publicado em

Por: Danuza Galiza

Quando você começa a ler o livro: “É tudo tão simples”, não consegue parar de ler. Esqueça o que tinha para fazer! Se achou que poderia ler um capítulo por dia, aconselho separar uma madrugada e se prepare para aproveitar a ótima narrativa de Danuza leão. Não pense estar diante de um clássico de autoajuda, porque, sinceramente, não é o caso! Nem é o estilo da autora.

Quem já teve oportunidade de ter lido alguma crônica, artigo ou algum livro de Danuza sabe como é delicioso o seu estilo de escrever. O livro tem ótimas “sacadas”. Desde uma lista de peças coringas que todas deveríamos ter no guarda roupa, a itens de moda que as mulheres devem deixar de fora para toda eternidade. No meio do livro sinto um dilema pulsar: o livro deveria se chamar “é tudo tão Caro”?? Isso porque a autora cita “N” coisas que você deve fazer ou deixar de fazer na vida, mas de uma realidade “classe A.A”. Acredito que uma parcela muito pequena da sociedade pode seguir o conselho, por exemplo, de que uma ótima aquisição seria “possuir um apartamento em Nova York”… E outro, ainda, quando ela sugere “se desfaça da blusa Yves Saint Laurent que foi feita sob medida pra você”.

Não posso negar que superado esses argumentos, você vai perceber que Danuza mudou e continua mudando… Assim como deve ser, pelo menos para nós mulheres, que estamos um salto na frente dos homens! Ela dá uma ótima dica de empreendedorismo e desprendimento em relação à moda, quando aconselha às brasileiras a copiarem as americanas e se livrarem de roupas que estavam mofando no armário (há mais de 1 ano), fazendo um bazar com as amigas.

Danuza se desfez de quase todos seus bens e hoje, prefere viajar a ter que se juntar com socialites em festas prive. O leitor percebe o desprendimento da autora, logo de cara, quando a mesma agradece os óculos emprestados que aparece usando na capa do livro. As famosas regras de etiqueta que consagraram a escritora estão démodé, e foram substituídas por “Regras de Comportamento”. Isso mesmo, Danuza ensina mães, sogras, avós, enfim, a nós mulheres a se comportarem numa sociedade em constante transformação social e tecnológica. É preciso saber conviver com o outro! Claro que tudo isso regado com pitadas de ironia/sarcasmo e doses refinadas de humor, que são características que só mesmo Danuza Leão poderia ter feito!

Plus>>>>Danuza Leão é jornalista e escritora, mas já foi modelo profissional. É colunista da Folha de S.Paulo e autora de oito livros, entre eles: Quase tudo e Na sala com Danuza.

Danuza Galiza é psicopedagoga e aluna de jornalismo. Amante da moda, é fotógrafa e maquiadora nos fins de semana e escritora desde que se entende por gente.

Youtube lança novo canal de moda

Publicado em

Tem canal novo de moda no ar. Estou falando da novidade fashion e midiática das últimas semanas. É que a C&A e o YouTube se juntaram para apresentar o youtube.com/moda, endereço que reunirá vídeos exclusivos voltados para o tema. Elaborado com a DM9DDB, o projeto apresenta um modelo inédito no Brasil e tem como objetivo fomentar a geração de conteúdo exclusivo visando construir uma plataforma de referência para os usuários interessados no universo fashion. “O tema moda tem muito espaço no Brasil, comprovado pelo sucesso de eventos com a São Paulo Fashion Week. Ao estimular a produção de conteúdo online, o YouTube pretende oferecer uma experiência interativa, permitindo que o usuário comente, avalie e compartilhe suas perspectivas por meio do vídeo”, diz Maria Fernanda Ceravolo, diretora de conteúdo criativo do YouTube no Brasil.

O canal agrega diferentes abordagens da moda, para variadas faixas etárias e gostos, dividido em categorias – looks, acessórios, tendências e truques. Além disso, tem também um gadget especial com conteúdo exclusivo da C&A, que patrocina o espaço pelo período de um ano. Os programas trazem vídeos com informações de moda, apresentando em uma nova esfera a variedade de produtos da rede. Parece que nesse primeiro momento, os vídeos serão atualizados semanalmente com conteúdo produzido por cinco vlogueiras, eleitas pela experiência e audiência que já tinham com seus blogs. Mais uma opção de canal para informação de moda.

Moda, tecnologia e mercado em pauta

Publicado em

Por Alex Cavalcanti*

Nada melhor  do que falar, na minha primeira colaboração (de muitas, I  hope so!) no Moda com Conteúdo, blog que eu adoro e que acompanho desde sempre, de assuntos que são pautas recorrentes do blog: Processo criativo de moda, tendências de segmentos específicos e reflexões sobre a necessidade do amadurecimento, de mais incentivos e  do desenvolvimento da indústria e do mercado de moda nacional. Tudo isso esteve em pauta na 5ª edição do Café com Tendências, evento que aconteceu na semana passada em Caruaru, no interior de Pernambuco.

A necessidade de se enxergar as necessidades e desejos do consumidor, assim como de bolar um mix de produto orientado nesse foco foram alguns dos pontos destacados pela estilista Erika Ikezili, que já trabalhou com Alexandre Herchovitch e abriu o evento falando sobre jeanswear.

Ela abordou a questão do processo criativo – falando sobre a conexão que sempre deve existir entre os desejos/necessidades dos consumidores e os produtos oferecidos pelas marcas, assim como das principais tendências para esse segmento.

Entre as apostas da estilista como tendência em matéria de jeanswear  para a próxima temporada, estão a calça skinny, os modelos coloridos e o leather denin, dentre outros. “Vemos  a influência do estilo easy going (ou seja, casual com toques de estilo)  de estilistas como Isabel Marant. As calças tipo flare e aquelas com pontos de luz nas lavagens também serão tendência”, contou.

Já o consultor empresarial Roberto Piancó e o representante da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT)  abordaram a moda através de um dos seus aspectos mais relevantes: o fator econômico. “As exportações desse setor geram atualmente, Afinal, as um lucro de 1,4 bilhão de dólares, com quase 9 milhões de pessoas empregadas em mais de 30 mil empresas em todo o país. Para este ano, a previsão de faturamento é de  15 bilhões de reais, ou seja 3,5% do PIB (Produto Interno Bruto, ou seja a soma de todas as riquezas do país)”,  disse.

Os dois palestrantes falaram sobre a necessidade imediata que as empresas de moda brasileiras  tem de se tornar competitivas para assegurar o desenvolvimento da área. E  a chave para se conseguir isso são investimentos em mão de obra qualificada e inovações tecnológicas para que  se consiga oferecer produtos e/ou serviços com qualidade.

“No entanto, alguns problemas acabam travando o desenvolvimento dessa área no país, principalmente os juros altos e a elevada carga tributária, o que resulta em um preço mais alto do produto final e portanto, na perda de competitividade dele no mercado internacional”, explicou.

Segundo a organização do evento, as palestras estarão disponíveis em breve, na íntegra, no site do evento.

* Alex Cavalcanti é jornalista e produtor de moda e há 4 anos edita o blog www.nacamacomelon.com , onde fala sobre moda, lifestyle e cultura pop. Co-organizador do Café com Moda, discípulo da Madonna e da Bette Davis, também é freqüentador assíduo de baladas e acredita que o mundo é bem melhor quando visto depois de duas taças de vinho tinto seco.

Sobrancelhas grossas: elas voltaram!

Publicado em

Por Danuza Galiza

As sobrancelhas grossas estão em alta. Os principais eventos de moda internacionais colocaram na passarela modelos com sobrancelhas grossas, chamando a atenção de todos editores e fashionistas que babavam na primeira fileira. Calma, não precisam se desesperar! Hoje já se pode contar com um arsenal de produtos para favorecer o olhar.

As sobrancelhas grossas já reinaram nas décadas de 50 e 80 e prometem repetir a dose não só nessa temporada. Segundo Rosemeire de Oliveira (consultora de Desenvolvimento Pedagógico do Instituto Embelleze), as próximas décadas serão de fartas pestanas. Nos anos 50, atrizes hollywoodianas ficaram famosas com suas belas e fartas sobrancelhas, como Marilyn Monroe e Elizabeth Taylor.

Já Brooke Shields e Malu Mader reinaram e foram ícones da moda nos anos 80.

O motivo desse retorno às “origens” é que as sobrancelhas grossas garantem a jovialidade da mulher, pois sobrancelhas finas e curtas são sinônimo de velhice, revelam os principais nomes da cosmética como: Théo Carias (do salão Oh!Théo beauty&Co, de São Paulo) e Duda Molinos – que dispensa apresentação. Então, mulheres, esqueçam as pinças por um tempo, deixem seus pelinhos crescerem e procurem uma boa designer de sobrancelhas e peçam para retirar apenas o excesso, permanecendo o contorno e o formato naturais, nada de sobrancelhas “tensas” em formato de triângulo invertido, nem de traços retos e tampouco meia parábola… 

Agora se as suas sobrancelhas já perderam o formato faz tempo e você se sente uma legítima Pin up à la Jean Harlow, o jeito é recorrer às técnicas da cosmética.

A técnica com henna consiste na simples coloração dos pelos. O resultado é um aspecto sem falhas e sobrancelhas mais encorpadas. Precisarão de retoques com certa frequência e, vale lembrar, que o procedimento deve ser feito por um profissional competente.

A técnica de tatuagem já está bem avançada. Esqueçam do aspecto esverdeado ou arroxeado que marcava esse procedimento no passado, atualmente os tons são copiados da auréola da mama da cliente, garantindo originalidade com o tom da pele. Mesmo sendo uma técnica definitiva, precisará de alguns retoques com o tempo.

Existe também a técnica de implante de pelos, um pouco mais invasiva, só que capaz de garantir uma plástica mais real. Esta obrigatoriamente é realizada por médico dermatologista especializado.

Mas se você prefere algo menos “complicado”, existem soluções menos agressivas, como passar uma sombra marrom sobre as sobrancelhas e garantir uma excelente produção pelo menos até a próxima lavada de rosto! Este kit de sombras que faz este momentâneo milagre é vendido pela marca Contém 1 g. Aprovo e recomendo, pois além de corrigir as pequenas imperfeições, garante um olhar marcante, dando o look de sobrancelha perfeitinha da cantora Sandy Lima.

Aqui estão garimpadas as principais dicas para você arrasar com suas sobrancelhas, afinal elas são a moldura dos olhos.

1-Nunca passe lápis de olho preto/marrom, além de fechar seu olhar ainda interrompe o crescimento dos pelos da sobrancelha;

2-Se seus olhos são pequenos: procure alongar os traços na hora da correção;

3-Quem tiver sobrancelhas bem separadas, procure não mexer mais no início e deixe a linha mais reta, não arquei de forma alguma!

4-As orientais devem tentar uma maior definição com o uso das sombras e prestar atenção para correção das falhas;

5-Quem tiver sobrancelhas naturalmente grossas, procure apenas retirar o excesso e arquear levemente do meio pro fim para não deixá-las sem formato;

6-As loiras não precisam descolorir, devem apenas clarear um tom, se seu cabelo era preto, deixe-as castanhas, e assim por diante.

7-Se seus olhos lembram as garotas do reality “Kardashians”, defina e abuse do seu olhar, que sorte!

Danuza Galiza é psicopedagoga e aluna de jornalismo. Amante da moda, é fotógrafa e maquiadora nos fins de semana e escritora desde que se entende por gente.

Alessandra Sobreira e doses de solidariedade na última edição do Café com Moda de 2011

Publicado em

Por Ricardo Tolêdo

Principalmente no fim do ano, os corações das pessoas renovam as esperanças e buscam a construção de um futuro melhor para todos. Neste sentimento, o Café com Moda não ia ficar fora dessa. Em sua edição de fim de ano – além da célebre convidada, a estilista Alessandra Sobreira – houve a campanha para que cada visitante presenteasse a instituição Associação Donos do Amanhã com a doação de um brinquedo.

Diferente das outras edições, esta foi realizada pela manhã, mas sempre no mesmo local: o aconchegante Café São Braz, da Livraria Leitura – Manaíra Shopping, onde o blog Nas Entrelinhas e o Na Cama com Léon, conseguiram oferecer a presença da criadora da marca AS como palestrante do dia.

A estilista, que possui destaque em cenário nacional, contou um pouco da sua história, a importância da valorização de sua cultura, além de dicas para aqueles que desejam iniciar nesta carreira. Ela que já é queridinha de vários artistas da emissora Globo, inclusive suas peças sendo utilizadas para figuração de algumas novelas, chegou recentemente de São Paulo, onde acabou de inaugurar seu ateliê, com o lançamento de sua coleção de Alto Verão 2012 no Salão Marcos Proença.

Obtendo renome pelo uso de macramê e renda, recebendo os primeiros holofotes pelos seus vestidos de casamento, depois deportando para saias, vestidos casuais, blusas e dito por ela na palestra, que ainda pensa em aumentar seu leque, para acessórios e afins. Utilizando tecidos de alta costura, inclusive estamparias exclusivas, ela recebe apoio para a realização das peças. Sua mãe é responsável pela coloração das rendas – que deixa ainda mais exclusiva, além de pessoas que são inspiração para ela, como seu vestido em inspiração Camilla Penazzi.

Para encerrar com chave de ouro, foram realizados sorteios de diversas lojas, além dos trabalhos de artistas da cidade, como: Natura, Tangerina Moda Praia, Nalu Moda Feminina, Loja Loft, Dreadlocks Acessórios, MC Acessórios Femininos, Little Dove Bolsas e Acessórios Babel das Artes. Para ninguém entrar em depressão por não ter ganho algo (como eu), houve a distribuição de brindes da Damyller e Capodarte.

O Café com Moda de Dezembro encerrou com sabor de saudade.

Para quem quiser ajudar:

Associação Donos do Amanhã

A Associação Donos do Amanhã existe desde 2005, através da iniciativa da médica Andrea Gadelha e algumas voluntárias com o objetivo de oferecer qualidade de vida a crianças e adolescentes com câncer, vindos de todo o Estado da Paraíba, tratadas em João Pessoa. Proporciona alimentação, higiene, descanso físico, documentação, atendimento ambulatorial, cestas alimentícias, além de carinho, atenção e muitas outras ações de apoio à criança e sua família. Hoje a casa conta com mais de 20 voluntários e dois funcionários, além de todo apoio cedido à família, também é servido almoço e lanche. A ajuda é prestada de várias formas, seja pelo voluntariado ou pelos ‘padrinhos’, que doam mensalmente uma cesta alimentícia de acordo com a idade e necessidade de cada criança/adolescente, ou ainda pela contribuição financeira direta.

Rua Capitão José Pessoa, 1097, Jaguaribe, João Pessoa-PB

Fone: (83) 3242 2710

Ricardo Tolêdo é jornalista em formação. Apaixonado por moda, literatura, cultura & arte. Humor e ironia são seus principais ingredientes.

%d blogueiros gostam disto: